contato@clinicalumiere.com.br | Rua Leonardo Pinto da Cunha, 133 Vl. Adyana - São José dos Campos, SP

☎️  12 3913-2863 ☎️  12 3922-8651 logo whatsapp 12 99799-8651

Você sabe diferenciar qual o tipo de gordura predominante no seu corpo? Pois saiba que há bastante diferença entre elas e uma delas pode causar grandes prejuízos para seu organismo!

 

A gordura visceral fica por trás da parede abdominal e envolve alguns órgãos, no interior da cavidade peritoneal. A gordura visceral afeta negativamente a saúde, aumentando a inflamação nos órgãos e tem relação direta com doenças e riscos cardiovasculares. Em parte, porque ela libera substâncias chamadas adipocinas, que são proteínas de sinalização celular que aumentam a pressão arterial e influenciam a insulina. A gordura visceral também diminui a quantidade de adiponectina no corpo, um hormônio essencial para a queima de gordura e que ajuda a acelerar o metabolismo.

As gorduras viscerais têm componentes genéticos, mas também são reflexo de aspectos ambientais, como falta de atividade física e maus hábitos alimentares (dieta desbalanceada, com excesso de calorias).

Diferentes das viscerais, as gorduras localizadas não têm componente genético e o seu acúmulo depende somente de hábitos do indivíduo, como pouca atividade física, sedentarismo e dieta rica em calorias.

Geralmente, estão localizadas no abdome – criando os famosos pneuzinhos – e no culote, mas podem ser encontradas também em braços e pernas.
São mais comuns em mulheres, principalmente por causa das alterações metabólicas e hormonais sofridas como na menopausa, por exemplo, quando a distribuição de gordura se altera e concentra-se mais na região abdominal.

COMO DIAGNOSITICAR?

Para saber se sua gordurinha é localizada subcutânea ou visceral, basta medir com uma fita métrica a circunferência da cintura abdominal. Medidas acima de 90 cm em homens e acima de 80 cm em mulheres já são consideradas excessivas e sinais de que o indivíduo deve procurar um profissional para um diagnóstico mais preciso. Existem aparelhos capazes de medir a quantidade de gordura visceral e muitos profissionais possuem essa balança em seu consultório. Além disso, a gordura localizada tende a ser mais amolecida enquanto a gordura visceral confere aquele aspecto mais endurecido, de barriga de chopp.

TEM procedimento?

Sem esforço não há queima de gordura. Sendo do tipo visceral ou localizada, o procedimento é basicamente o mesmo:

  • Atividades físicas (principalmente aeróbicas – esteira, corrida, natação e ciclismo; além de musculação para fortalecer o corpo e deixá-lo menos flácido).
  • Dieta balanceada, com redução de calorias (carboidrato, proteína, gordura e álcool).
  • procedimentos estéticos – a abordagem do procedimento deve levar em consideração qual o tipo de gordura que você apresenta.

DICAS PARA SE LIVRAR DOS PNEUZINHOS!

  1. Faça de cinco a seis refeições por dia (com intervalos de três horas), mantendo-as bem coloridas, pois, além de estimularem o lado sensorial, permitem maior diversidade de nutrientes.
  2. Mastigue bem os alimentos, pois este é o segredo para saboreá-los melhor, para você se sentir satisfeito mais rapidamente e ter uma boa digestão. Se engolir rápido, precisará de maiores quantidades para saciar-se.
  3. Evite os alimentos que formam gases com: refrigerantes, feijão, frituras, pão, queijo e enlatados, carne vermelha, embutidos como linguiça, presunto, salame e salsicha.
  4. Aumente o consumo de alimentos diuréticos. Eles contribuem para diminuir a retenção hídrica e o inchaço. São eles: erva doce, salsão, coentro, berinjela, abóbora, agrião, beterraba, cenoura, folhas de beterraba, repolho, salsinha, tomate, broto de feijão, pepino, escarola e endívias, alho, limão, noz-moscada, cebola, salsa, hortelã, suco de limão, abacaxi, melancia, maracujá, morango e chás de salsa, gengibre, canela, ou de frutas.
  5. Levante-se da mesa assim que terminar a refeição e já escove os dentes para não cair em tentação e atacar os doces!

Com uma dieta mais saudável, você reduzirá a quantidade de calorias ingeridas. Já os exercícios aeróbicos vão queimar calorias e reduzir os estoques de gordura localizada. Somado a isso, alguns exercícios abdominais reforçarão os músculos do abdômen, completando o ciclo. É isso! Precisamos viver melhor e com mais qualidade. Manter o peso dentro dos limites aceitáveis melhora tudo em nossas vidas. Melhora a aparência, a autoestima, o funcionamento do organismo e nos dá mais disposição para viver. Não precisa muito, só um pouco de esforço e força de vontade para ficar longe da “forma de pêra ou de barril”. Mãos à obra! Nunca é tarde para ser feliz!

Find the latest bookmaker offers available across all uk gambling sites - Bets.Zone - UK Gambling Websites Use our complete list of trusted and reputable operators to see at a glance the best casino, poker, sport and bingo bonuses available online.